Página Inicial / Assitência Social / AUXÍLIO EMERGENCIAL: PF cumpre mandados contra fraudadores ,prejuízo pode alcançar o valor de R$ 15 mil

AUXÍLIO EMERGENCIAL: PF cumpre mandados contra fraudadores ,prejuízo pode alcançar o valor de R$ 15 mil

ecbc04aa-2325-4679-903f-e4a45a42a743 - Copia.jpg

 

Londrina/PR – A Polícia Federal deflagrou na sexta-feira (6/8) a Operação Parcela Infinita,

com o objetivo de investigar um grupo suspeito de fraudes com o auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal durante a pandemia da COVID-19.

Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão em Londrina, nas residências dos suspeitos de participação nos crimes investigados.

A ação é um desdobramento de investigação iniciada no mês de maio, que contou com o apoio da Polícia Civil de Londrina e que resultou,

inicialmente, na prisão em flagrante de duas pessoas envolvidas com a fraude, inclusive uma funcionária da lotérica onde os saques eram realizados.

A partir das imagens obtidas durante as investigações, foi possível identificar outros integrantes do grupo criminoso, que teriam efetuado diversos saques fraudulentos, sempre com o mesmo modo de atuação,

que consistia na apresentação, para a funcionária da lotérica envolvida no esquema, de um documento de identidade no qual estavam fixadas tiras de papel com os números dos CPFs dos beneficiários do auxílio emergencial que teriam os valores sacados de suas contas.

As apurações identificaram fraudes nas contas de no mínimo treze beneficiários, com prejuízo de cerca de R$ 15 mil à União.

As investigações terão continuidade com o objetivo de se identificar ainda outras pessoas que integram o grupo de fraudadores.

Fonte/Foto: Comunicação Social da Polícia Federal em Londrina/PR

Você pode Gostar de:

15/09 AGORA:PF desarticula organização criminosa que agia em garimpos ilegais 

São Luís/MA – A Polícia Federal deflagrou hoje (15/9) a Operação CURIMÃ,  com objetivo de desarticular …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *