Página Inicial / Empreendedorismo / Bandes apresenta linhas de crédito para empresários no TIMS

Bandes apresenta linhas de crédito para empresários no TIMS

O Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) apresentou, na quinta-feira (08), soluções de financiamento nas áreas de armazenagem, infraestrutura e logística, entre outras, para a administração e os empresários do Terminal Industrial e Multimodal da Serra (TIMS).

A visita teve as presenças do governador do Estado, Renato Casagrande, dos diretores do Bandes, Munir Abud de Oliveira e Marcos Kneip Navarro, além do secretário de Estado de Inovação e Desenvolvimento, Tyago Hoffmann.

“O TIMS é um importante polo intermodal com várias empresas já instaladas e outras que estão se instalando. É fundamental ver esse dinamismo das empresas que se instalam em nosso Estado.

Vale destacar ainda o trabalho do Governo do Estado na captação dessas empresas.

O Espírito Santo tem bons atrativos, como incentivos fiscais, bom ambiente de negócios e boa gestão fiscal.

Nossa prioridade é a geração de oportunidades aos capixabas”, afirmou o governador Casagrande.

O secretário Tyago Hoffmann salientou que o Espírito Santo se destaca entre as demais Unidades da Federação, em função do ambiente firmado por meio de fatores essenciais para que a economia se mantenha no rumo certo, apesar dos desafios dos últimos tempos.

“Nosso governador Renato Casagrande tem atuado fortemente para tornar o Estado competitivo e atraente para que projetos já existentes permaneçam em solo capixaba e para que novos investidores vejam o potencial que temos. Os resultados são percebidos cotidianamente.

A visita realizada hoje foi uma ampla demonstração de que as decisões do Governo têm sido assertivas e coerentes, gerando oportunidades para os capixabas”, destacou o secretário de Inovação e Desenvolvimento.

Hoffmann prosseguiu: “foi uma manhã produtiva. Visitamos empresários da B4You no maior Terminal Industrial Multimodal do Estado e conhecemos a fábrica de válvulas plásticas da WCM Embalagens, que anunciou investimentos no Estado com 50 novos postos de trabalho.

Também estivemos em um dos armazéns da Q20. Esse é o resultado do ótimo ambiente de negócios que temos, sendo propício para a implantação de projetos inovadores e que vão expandir o desenvolvimento regional.”

O encontro contou com a participação de, aproximadamente, 20 empresários, além da direção do próprio TIMS, no intuito de aproximar o Bandes de empresas de médio porte que utilizam a estrutura do local.

É o caso, por exemplo, da WCM Embalagens, que está investindo em uma indústria de lotion pump no terminal e produzirá válvulas úteis para diversos segmentos, como o de cosméticos, higiene, farmacêutico, entre outros.

Segundo o diretor-presidente do Bandes, Munir Abud de Oliveira, o papel da instituição é desenvolver soluções de financiamento simples e desburocratizada para que o dinheiro chegue à mão de quem produz dentro da economia capixaba.

“Estamos concedendo crédito da forma mais simples possível, desburocratizada e ágil, para que se possa atingir o maior número de empresários possível, para, de fato, chegar à ponta, naquele empreendedor que precisa. Essa é premissa que norteia o trabalho do banco”, pontuou.

De acordo com o diretor de Negócios do Bandes, Marcos Kneip Navarro, o objetivo é mostrar as soluções de crédito do Bandes para apoio aos empresários, por meio de financiamentos a investimentos e capital de giro.

“Esse tipo de alinhamento possibilita que empreendimentos estratégicos para um crescimento equilibrado tenham um suporte mais ágil e alinhado à política de desenvolvimento do Governo.

Além disso, independentemente do modelo de negócios e do porte, essa cadeia produtiva tem interface com outros segmentos, como a indústria química, dada a necessidade de insumos para diversos tipos de tratamento, desde as fibras até os bens acabados, e a indústria de bens de capital, tendo em vista as máquinas e equipamentos que perpassam toda essa dinâmica”, explicou Marcos Kneip.

O TIMS

O Terminal Industrial e Multimodal da Serra, que funciona como um “condomínio logístico”, possibilita a implantação em áreas específicas (industrial e comercial), de empresas de movimentação e armazenamento de cargas em geral, de indústrias, transportadoras, prestadoras de serviços e empresas voltadas para atividades comerciais.

O espaço agrupa cerca de 120 outras empresas de médio e grande portes. O TIMS ocupa uma área de 2,3 milhões de metros quadrados, integrando modais de transportes rodoviários, ferroviários, marítimos e aéreos.

Informações sobre linhas de financiamento:
www.bandes.com.br/emergencial
faleconosco@bandes.com.br

Você pode Gostar de:

23/09 AGORA, REFORMA ELEITORAL: Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) elogia proposta aprovada pelo Congresso, texto segue para promulgação com prazo até 2 de outubro, veja  

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, elogiou hoje (23) a aprovação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *