Página Inicial / Geral / ESTADO PRESENTE: Grande operação prende 16 pessoas apontadas como líderes do tráfico de drogas

ESTADO PRESENTE: Grande operação prende 16 pessoas apontadas como líderes do tráfico de drogas

A Polícia Civil (PCES) deflagrou, na manhã da última sexta-feira (17), a Operação “Sicário”, com o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão em vários pontos da Região Metropolitana da Grande Vitória (RMGV). As equipes tiveram como alvos suspeitos de assassinatos e de tráfico de drogas.

A ação resultou na prisão de 16 pessoas apontadas como chefes do tráfico de drogas na Grande Vitória e os resultados dessa operação foram apresentados em entrevista coletiva, na última sexta-feira (17), na Chefatura da Polícia Civil, em Vitória.

A ação foi realizada pela Polícia Civil, por meio da Superintendência de Polícia Especializada (SPE), da Superintendência de Polícia Interestadual e Captura (SUTIC) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), e contou com o apoio das Guardas Municipais (GM) de Vitória e de Vila Velha, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), de helicópteros do NoTaer e da Secretaria da Justiça (Sejus).

O foco principal da ação foi na região do “Território do Bem”, situada nos bairros da Penha, São Benedito e regiões vizinhas, além de outros pontos adjacentes na Região Metropolitana da Grande Vitória.

Entre os 16 presos, estão dois indivíduos apontados pelas autoridades policiais como comparsas de um dos suspeitos, considerado o homem mais procurado pela polícia do Espírito Santo, por liderar o tráfico de drogas no bairro da Penha, na Capital.

Um dos presos, segundo a polícia, era o segurança particular dele. Além de protegê-lo, o detido era responsável por guardar os fuzis usados nos confrontos do tráfico de drogas.

“Quando nós chegamos ao bairro da Penha, estava tendo, logo de madrugada, por volta das 5 horas, um baile do Mandela, e o suspeito estava passando por ali, até parecendo estar sob efeito de entorpecentes.

Nesse momento, nós conseguimos efetuar a prisão dele. Fato este que gerou comoção com os outros, já que tinham vários indivíduos no baile, mas nós tiramos ele do local e efetuamos a prisão”, contou o delegado Romualdo Gianordoli,
chefe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

 
As outras 14 pessoas envolvidas com o tráfico de drogas foram presas na Grande Vitória, sendo que todas tinham mandado de prisão em aberto.

A operação também cumpriu mais de 40 mandados de busca e apreensão na Grande Vitória e no interior do Estado.

Segundo o delegado Romualdo Gianordoli, entre os capturados estavam lideranças importantes do crime organizado, como o chefe do tráfico do bairro Mucuri, em Cariacica, e uma mulher considerada líder da organização criminosa que atuava no bairro Boa Sorte, no mesmo município.

Ataques em Vitória

Os ataques que aconteceram nos bairros Andorinhas e Nova Palestina, em Vitória, foram ordenados por suspeitos presos nesta operação, segundo as investigações.

“As prisões realizadas são prisões de lideranças que determinam esses ataques.

Pode ser que algumas pessoas que não foram presas podem determinar outros ataques, mas as pessoas que foram presas, tinham o poder de determinar.

Então essas prisões são importantes em razão disso. Aquelas pessoas que têm a coragem de ir executar a ação estão sem comando”, destacou o delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda.

O secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Alexandre Ramalho, falou sobre as prisões. “Estamos elevando as nossas estratégias, para prender de fato quem mereça. As prisões só ocorrem por meio de todo trabalho investigativo, que foi muito bem conduzido.

Ficou comprovado para a Justiça e para o Ministério Público que nós precisávamos dos mandados de busca e apreensão e de prisão. Outra operação irá acontecer em cima dessas prisões e vamos prender esses criminosos que tiram o sossego da população”, enfatizou.
 
“Sicário”: o nome tem referência aos tipos de crimes cometidos pelos procurados. Em latim, “sicarius” refere-se ao homem sanguinário, sedento de sangue e cruel. 

Você pode Gostar de:

TEXTO E VÍDEO: Pelé completa 81 anos e diz estar “mais jovem” quase um mês após alta hospitalar, tricampeão mundial comemora em casa

O tricampeão mundial Pelé publicou neste sábado (23) vídeo em uma rede social no qual …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *