Página Inicial / Fiscalização / PF COMBATE TRÁFICO INTERNACIONAL: grupo criminoso responsável por esquema de transporte de drogas para diversos Estados

PF COMBATE TRÁFICO INTERNACIONAL: grupo criminoso responsável por esquema de transporte de drogas para diversos Estados

Operação IW foz.jfif

Foz do Iguaçu/PR – A Polícia Federal deflagrou na sexta-feira (20/8) a Operação IW, objetivando desarticular grupo criminoso atuante no tráfico internacional de armas e drogas atuante na cidade de Foz do Iguaçu/PR.

Os integrantes da organização utilizavam-se de supostas empresas do ramo de transporte para enviar cargas de maconha e cocaína e outros ilícitos para outros Estados da Federação.

No total, foram expedidos pela Justiça Federal de Foz do Iguaçu/PR e pela Justiça Federal de Curitiba 10 mandados de busca e apreensão, 1 mandado de prisão preventiva, além de determinado bloqueio de valores em conta dos indiciados e das empresas utilizadas para a prática dos crimes.

Também foi determinado o sequestro de bens móveis e imóveis dos criminosos.

A deflagração contou com a participação de 30 policiais federais, designados para dar cumprimento às ordens judiciais.

Todos os mandados foram cumpridos no município de Foz do Iguaçu/PR.

A investigação iniciou após uma apreensão de quase meia tonelada de cocaína e diversas pistolas estrangeiras, realizadas em outubro de 2020, ocasião em que um homem foi preso em flagrante.

A fase investigatória durou aproximadamente 8 meses.

No decorrer desse período, a Polícia Federal, após diversas diligências, conseguiu identificar o principal integrante desse grupo criminoso, que, conforme apurado, há bastante tempo vinha praticados estes delitos.

O líder do grupo apresentava-se como empresário e ostentava uma vida luxuosa, tendo adquirido diversos bens com a prática de seus crimes.

 Com auxílio de sua companheira, que é advogada, conseguia reaver bens apreendidos em Inquérito e processo judicial, se passando por terceiro de boa-fé.

Com base em tudo que foi apurado no Inquérito Policial, os investigados serão indiciados e responderão judicialmente na medida de sua culpabilidade pelos crimes de associação para o tráfico, associação criminosa, tráfico internacional de drogas, tráfico de armas, falsidade documental e uso de documento falso.

Fonte/Foto: Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR

Você pode Gostar de:

ESPÍRITO SANTO: Polícia Federal combate contrabando de migrantes, uma delas, inclusive, já foi indiciada e presa pelo mesmo crime

Vila Velha/ES – A Polícia Federal cumpre na sexta-feira (24/9) mandado de busca e apreensão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *